A confiança é inútil. O que existe, considerado separadamente, é a alegria e o movimento da vontade para aquilo que resultou do que foi sendo rejeitado, coisas que podem ocorrer juntas ou não.
Anúncios